TV CLARET agora no canal 45 digital
 

Prefeitura inicia a recuperação de equipamentos para atender setor rural

A Secretaria de Agricultura pretende recuperar frota e equipamentos.

09/01/2017 00:00

O novo governo municipal de Rio Claro encontrou caminhões e tratores sem condições de uso para atender o setor rural do município. A Secretaria Municipal da Agricultura está correndo contra o relógio para garantir melhorias na frota e equipamentos. “Esses materiais estão em condições muito ruins”, observa Emílio Cerri, novo titular da pasta.

Todos os cinco tratores da secretaria estavam sem condições de uso em primeiro de janeiro. “Já conseguimos colocar um deles em operação”, explica o secretário de Agricultura, informando que a maior dificuldade no momento é a recuperação da motoniveladora, essencial para melhorar as condições de tráfego nas estradas rurais.

De acordo com o levantamento da pasta, a retroescavadeira e dois caminhões da secretaria também estão sem condições de uso. “Vamos redobrar esforços para reverter essa situação e dar o atendimento que esse segmento da sociedade merece”, comenta o secretário.

Cerri observa que a Secretaria Municipal da Agricultura precisa estar bem equipada para realizar com agilidade serviços importantes de assistência ao produtor, como manutenção e limpeza na área rural, e prestar apoio ao desenvolvimento da produção agropecuária, agroindustrial e de abastecimento do município.

Na semana passada o novo governo já anunciou uma boa notícia para o setor agrícola de Rio Claro. A Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), ligada ao governo federal, manifestou intenção de doar à prefeitura a área na Avenida José Felício Castelano onde atualmente atende a Secretaria Municipal de Agricultura.

 

“Isso encerrará o impasse de nossa permanência naquele local, que já é referência para os agricultores e também abriga sala do Incra, o Programa de Aquisição de Alimentos e a cooperativa do setor”, explica Cerri.

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.